Os melhores negócios para empreender em Portugal

Os melhores negócios para empreender em Portugal

07.08.2020

Portugal se tornou um destino de escolha para muitos brasileiros que pretendem investir no país europeu. Dados do SEF (Serviço de Estrangeiros e Fronteiras) de 2020 apontam que mais de 150 mil brasileiros residem oficialmente no país e, entre as principais atividades, pretendem abrir empresa em Portugal.

Quais as melhores áreas para abrir empresa em Portugal?

Os brasileiros que pretendem empreender em Portugal devem ter em consideração queos portugueses, em geral, são menos consumistas. O fantasma da crise ainda assombraos portugueses, entretanto abrir um negócio em Portugal pode ser muito rentável sabendo escolher bem a área de atuação.
Se você pretende investir em Portugal, confira algumas das melhores áreas:

Franquias Low Cost

Economizar é a palavra de ordem dos portugueses, portanto abrir empresa em Portugal no ramo de low cost (produtos com preços baixos) pode ser uma excelente opção. Seja uma loja de roupas a preços fixos ou até de reciclagem de cartuchos de impressora podem ser um bom caminho para quem quer investir em Portugal.

Academia de Ginástica Low Cost e Estética

Se a intenção é ganhar dinheiro com quem gosta de economizar, empreender em Portugal na área de cuidados com o corpo como academia de ginástica de baixo custo pode valer muito a pena.
Aliás, vale ressaltar que de maneira geral os portugueses e portuguesas são vaidosos e cuidam muito do corpo. Investimentos baixos como um galpão para crossfit, um estúdio de pilates ou até mesmo um centro de estética podem ser excelentes oportunidades para quem quer empreender em Portugal.

Padaria e Café

Se tem uma coisa que os portugueses adoram é uma boa padaria (em Portugal chama-se pastelaria) ou um lugar para tomar um bom café. Apesar de ser um bom negócio para abrir empresa em Portugal, lembre-se que você terá grande concorrência e precisará prestar um serviço diferenciado.

Negócios Low Cost

De maneira geral, é importante ter em mente que em Portugal as pessoas evitam ao máximo gastar por gastar. Os portugueses costumam ser, como dizem por aqui, “poupadinhos” e se você quer abrir empresa em Portugal deve levar isso em consideração.
Leia também: Empreender em Portugal: quais são as melhores áreas?

Abrir empresa em Portugal

Quais as melhores cidades para empreender em Portugal?

A resposta para essa pergunta relaciona-se com o tipo de negócio que você vai investir em Portugal e do seu capital. Investir em Lisboa (capital do país) e no Porto pode ser mais caro, entretanto por serem as maiores cidades do país, você pode tirar o seu investimento mais rapidamente.

Porém, se você tem um bom lastro financeiro você pode investir em outras cidades como Vila Nova de Gaia, Oeiras, Cascais, Coimbra, Braga, Guimarães, Maia, Setúbal, Leiria, Viseu ou Viana do Castelo, por exemplo.

Importante ressaltar que em quase todas as cidades de médio porte em Portugal, você encontra uma excelente infraestrutura e tem bons supermercados, lojas conhecidas na Europa e bons acessos rodoviários, por trem ou avião.

Valor de investimento mínimo

O valor de investimento para abrir empresa em Portugal depende do tipo de negócio que você vai empreender. Se você optar por franquias, por exemplo, o investimento inicial exigido pode ser de € 40 mil para uma lavanderia self-service e a partir de € 100 mil para alimentação.

No caso de uma franquia da Telepizza (muito famosa no país) o valor pode variar entre os € 100 mil e os € 300 mil. Porém, para abrir empresa em Portugal você deve levar em consideração os seguintes custos:

  • Registrar no Empresa na Hora: custo de € 360,00;
  • Certificado de Admissibilidade para criação de uma empresa: € 70,00 euros (pedido normal) ou € 150,00 (pedidos urgentes);
  • Sociedades com imóveis ou participações sociais: € 50,00 euros por cada imóvel ou quota;
  • Sociedades que contem com bens móveis: € 30,00 euros por cada bem.

Vale a pena investir em imóveis em Portugal?

Vale sim. Se você quer investir em Portugal e tem um bom dinheiro sobrando para isso, considere comprar imóveis. Uma prática bem comum é comprar um apartamento ou casa, reformar e revender ou colocar para alugar.

Importante dizer que até antes da pandemia, havia uma grande demanda por imóveis para aluguel e uma oferta bastante reduzida. Dessa maneira, os preços subiram de maneira acentuada em todo o país.

Segmentos que mais crescem em Portugal: as tendências de mercado para 2020.

investir em imóveis em Portugal

Quanto tempo leva para abrir empresa em Portugal?

Para abrir negócio em Portugal você vai gastar, acredite, menos de uma hora. Sim, abrir empresa em Portugal é uma tarefa super simples e você pode fazer tudo pela internet e sem sair de casa.

O governo de Portugal tem um programa chamado “Empresa na Hora” e através dele você pode começar a empreender em Portugal de maneira simples, rápida e prática.
Acesse o site do programa e saiba mais. (https://justica.gov.pt/Servicos/Empresa-na-Hora )

Produtos brasileiros fazem sucesso em Portugal?

Com uma comunidade de brasileiros tão grande (mais de 150 mil cidadãos), muitos produtos brasileiros fazem sucesso em Portugal. Entretanto, a maioria são consumidos pelos próprios brasileiros.

Atualmente você encontra pão de queijo, coxinha, bolos, caldo de cana, brigadeiro, tapioca, açaí e uma infinidade de produtos brasileiros de maneira razoavelmente fácil em Portugal. Porém, muitos portugueses ainda não conhecem os produtos brasileiros ou ainda não tem o paladar.

Visto D2 para empreender em Portugal 

Se você quer investir em Portugal, pode optar pelo visto D2. Para solicitar esse tipo de visto, você deve empreender em Portugal de maneira relevante social e economicamente para o país.

Dessa maneira, é bom ter em conta que ter uma empresa aberta e constituída em Portugal não é sinônimo de ter o visto D2 concedido pelo governo do país. Isso porque a relevância social e econômica precisa ser comprovada.

Os estrangeiros que solicitam o visto D2 em Portugal conseguem não é, por si só, garantia de que o visto será concedido. O Visto D2 permite ao seu titular e familiares a entrada em Portugal e, consequentemente, o pedido de Autorização de Residência.

Como morar em Portugal: conheça os vistos .

Visto para empreender em Portugal

Quais as vantagens do Visto Gold para investir em Portugal?

Para quem tem uma condição financeira melhor, existe a possibilidade de solicitar um Visto Gold para morar em Portugal. Com esse tipo de visto, algumas vantagens são evidentes, são elas:

  • Direito de morar, trabalhar e estudar em Portugal;
  • Possibilidade de circular livremente pela Europa;
  • Depois de cinco anos residindo em Portugal, a possibilidade de obtenção da nacionalidade portuguesa;
  • Poder fazer o reagrupamento familiar.

O investimento pode variar de acordo com o tipo de negócio, tendo como valor inicial € 250 mil euros e podendo chegar até € 500 mil euros.

POSTS RELACIONADOS

Empreender

Por que Lisboa está se tornando um grande polo de inovação

20/11/2020
Visitar

Tour do vinho em Portugal: as principais vinícolas de Portugal

19/11/2020
Morar

Vídeo: vistos para morar em Portugal

12/11/2020