Itália 2022: principais cidades para morar

Itália 2022: principais cidades para morar

02.12.2021

Que tal levar seu sonho adiante e ir morar na Itália em 2022?

Seja pela comida sem igual no mundo, pelo legado artístico-cultural presente em cada uma de suas ruas ou pelo ritmo de vida desacelerado, a Itália é sempre um forte candidato para quem quer começar uma vida nova na Europa.

Mas e aí: você já sabe qual das quase oito mil comuni italianas vai chamar de lar?

A escolha da cidade é sem dúvida o passo mais importante a ser dado depois de decidir morar na Itália.

Para quem está nessa fase do planejamento da mudança para Itália, nós temos algumas dicas que podem ajudar.

Veja a nossa lista com as principais cidades para morar na Itália em 2022.

Ranking das cidades italianas com melhor qualidade de vida

Escolher uma cidade para morar não é uma tarefa fácil. 

Há quem prefira cidades pequenas; há quem não abra mão de morar perto do mar.

De toda forma, uma questão universal nesse aspecto diz respeito à qualidade de vida que a cidade oferece.

E, nesse quesito, são sobretudo os grandes centros urbanos do Norte da Itália que se destacam.

Abaixo, você confere a nossa lista das principais cidades para morar na Itália, baseada no ranking de Qualità della Vita in Italia publicado recentemente pela revista Italia Oggi e pela Universidade La Sapienza de Roma. 

Os valores de aluguéis mencionados neste artigo foram baseados em consulta ao site idealista.it.

Viver na Itália em 2022: A cidade de MONZA

Monza é uma velha conhecida dos apreciadores das corridas de Fórmula 1 e esse é sem dúvida o grande destaque para quem visita a cidade. 

Aos moradores, contudo, Monza tem muito mais a oferecer.

Em termos de qualidade de vida, a cidade de cerca de 120 mil habitantes não deixa nada a desejar às grandes cidades da Europa. 

E a razão é a sua localização privilegiada. Monza está a apenas 20 km de Milão; 50 km da Suíça.

Servida de uma excelente rede de transporte público, é possível chegar à Estação Central de Milão partindo de trem de Monza em apenas 9 minutos.

Além disso, a cidade também se destaca na questão ambiental. 

Situado ao norte da cidade, o Parque de Monza, juntamente com os jardins da Villa Real, constituem um grande pulmão verde da cidade, ideal para caminhadas e prática de esportes. 

No quesito custo de vida, Monza é uma boa opção para quem quer fugir dos aluguéis altíssimos do centro da capital da Lombardia. Apartamentos com três quartos são alugados por 1100 euros, os apartamentos de dois quartos a partir de 800 euros e quitinetes a partir de 500 euros. 

PORDENONE: como morar na Itália em 2022 gastando pouco

Talvez você não tenha ouvido falar de Pordenone ainda.

Fora dos destinos turísticos tradicionais, essa cidade recentemente indicada como uma das que oferece melhor qualidade de vida na Itália deve entrar no radar de quem deseja se mudar para o país da bota.

A cidade é bonita, dinâmica e rica em serviços ao públicos ao mesmo tempo; apresenta baixa criminalidade e bom nível de emprego. 

Com um pouco mais de 50 mil habitantes, é o lugar ideal para quem está buscando uma cidade pequena.

Onde fica Pordenone?

A cidade fica na região de Friuli-Venezia Giulia, a 1 hora de carro da capital Udine e a mesma distância também da encantadora Veneza.

Outra vantagem da cidade é o valor dos aluguéis. No momento em que escrevemos esse artigo, encontramos apartamento de seis cômodos, completamente mobiliado, sendo oferecido por 650 euros mensais.

> Precisando fazer transferências internacionais de dinheiro? O Conexão Europa recomenda o Remessa Online! Clique e saiba mais.

VERONA: more na cidade do amor em 2022

A cidade de Romeu e Julieta, além de linda e romântica, está entre as dez cidades italianas com melhor qualidade de vida e é uma boa aposta para quem quer morar na Itália em 2022.

É tranquila do ponto de vista da segurança, limpa e com uma variedade paisagística entre lagos e colinas que agrada gregos e troianos. O mar e as montanhas ficam a 1 hora de carro.

Além disso, está localizada em uma posição geográfica única, próxima à Áustria e no centro do eixo leste-oeste italiano, unido Veneza e Milão.

De toda forma, como você pode imaginar, uma cidade tão turística tem os seus inconvenientes. 

O custo de vida médio em Verona realmente não é barato.

Os preços dos apartamentos mobiliados com três quartos situados no centro histórico partem de 1400 euros de aluguel ao mês. Os apartamentos fora da cidade, com um quarto,  têm aluguéis a partir dos 500 euros.


Seguros Promo

MILÃO: a capital que nunca sai de moda

Assim como em toda grande cidade do mundo, viver em Milão tem suas vantagens mas também desvantagens na mesma proporção. 

Viver em Milão significa aceitar a cidade grande, com seus custos e restrições. 

É conviver com poluição sonora e o tumulto inevitável das grandes cidades.

Por outro lado, a cidade é um ótimo lugar para o desenvolvimento profissional de sucesso. 

As melhores oportunidades de emprego no país estão aí, no coração financeiro da Itália.

O custo de vida acompanha os salários. O aluguel de um apartamento de um quarto no centro de Milão custa em torno de € 1150. Já para um apartamento de três quartos, esse valor sobe para € 2500.

Vida tranquila na Itália: escolha TRENTO

Procurando por uma cidade italiana tranquila mas não completamente isolada no interior? 

Para pessoas que amam lugares tranquilos, odeiam trânsito e agitação, Trento é a cidade perfeita.

Com cerca de 120 mil habitantes, ela pode ser considerada uma cidade de médio porte na Itália, que, nesse caso, reúne ótimos serviços aos cidadãos, organização e um modo de vida diferenciado. 

Dizem que o estresse passa longe de Trento, onde se pode deslocar-se a pé para chegar a qualquer ponto dela sem se ensurdecer e estressar com o trânsito.

Somado a isso, há refúgios naturais por todos os lados: leva-se apenas 15 minutos da cidade para estar literalmente nas montanhas.

Não por acaso a cidade foi eleita a melhor cidade italiana para viver na terceira idade. 

Claro, tem um contraponto: custa viver bem em Trento.

Os preços das moradias com dois quartos partem de 600 euros/ mês e os estúdios (22 m2) começam nos 430 euros / mês. 

PARMA: a primeira colocada em qualidade de vida na Itália

Na primeira colocação do ranking de cidades italianas com melhor qualidade de vida está Parma.

Localizada em uma das regiões mais avançadas, mais bem administradas e industrializadas da Itália, Parma é na verdade uma cidade bastante agradável para se viver: não muito pequena e nem com os problemas típicos das grandes cidades. 

A cidade é rica em história e monumentos, bastante “verde” e com uma boa gastronomia. 

A principal indústria está de facto ligada aos produtos agro-alimentares, que oferecem o maior número de empregos. 

Os transportes públicos funcionam bem, mas muitos habitantes utilizam a bicicleta, devido às pequenas distâncias entre os vários locais. Além disso, como na maioria das cidades italianas, você só pode ir para o centro de carro se for um residente.

Além disso, a localização geográfica da cidade é particularmente boa, perto do mar e não muito longe das montanhas, a poucos quilômetros de Milão e Bolonha.

Como em todas as cidades universitárias, os preços dos aluguéis são valorizados, mas pesquisando bem é possível encontrar opções mais econômicas, especialmente em certas áreas da periferia.

Encontramos apartamentos mobiliados de dois quartos por 650 euros ao mês, com quatro quartos por 900 euros e estúdios por 500 euros.

E aí? Alguma dessas cidades está no seu radar? 

Se você está ansioso para começar sua nova vida na Itália em 2022, nesta lista está um ótimo começo para guiar a sua escolha.

Descubra ainda:

Qual o valor médio de aluguel para morar na Itália

Vale a pena morar na Itália? Opinião de quem já morou.