De norte a sul, os principais pontos turísticos da Itália

De norte a sul, os principais pontos turísticos da Itália

19.09.2020

Escolher uma única região ou uma cidade apenas para se conhecer na Itália é impossível. O país está repleto de pontos turísticos!

A Itália é um país repleto de pontos turísticos e coisas para se ver, fazer, comer … e certamente viajar! Alguns lugares são mais icônicos do que outros, mas não é preciso dizer que toda a Itália, de norte a sul, incluindo as ilhas, oferece viagens e férias únicas no mundo. 


Neste post você conhecerá as regiões e os pontos turísticos da Itália, de norte a sul, por suas belezas e porque os turistas de todo o mundo as escolhem e amam para suas férias e  alguns detalhes sobre os quais atrai os viajantes. 

Valle d’Aosta

Valle d’Aosta

O Vale de Aosta é a menor das regiões da Itália e está situado no noroeste entre a França, Suíça e Piemonte.

Todo o seu território se desenvolve no meio dos Alpes e aqui se destacam as montanhas mais altas da Europa: Monte Rosa, Gran Paradiso, o Matterhorn, na fronteira com a Suíça, e o telhado da Europa: Mont Blanc, precisamente na fronteira com a França.

Nesta região, embora pequena, existe no entanto um grande património cultural, gastronómico e natural que a torna muito fascinante.

Explorando o Vale d’Aosta ainda se pode ver muito bem a pegada dos antigos romanos, que deixaram inúmeros testemunhos, todos para serem visitados. 

Visitar esta região é muito singular porque a cultura italiana se mistura com a cultura da vizinha França. O Vale d’Aosta é uma das regiões autônomas que existem na Itália. 

Piemonte

Piemonte

Piemonte é uma região com um território muito variado: a oeste, norte e sul está rodeada pelos Alpes, onde pode-se desfrutar de agradáveis ​​paisagens montanhosas e importantes estações de esqui, onde pode-se praticar esportes de inverno. 

No centro da região, no entanto, estendem-se grandes planícies e suaves colinas. Aqui nascem alguns dos melhores produtos da gastronomia italiana: como os vinhos Barolo e Barbaresco, também o famoso tartufo d’Alba, provavelmente um dos ingredientes italianos mais famosos do mundo.

Este território variado inclui também a bela área do Lago Maggiore, onde antigas vilas se erguem em uma paisagem tranquila e fascinante.

Finalmente, Turim é uma cidade grande, importante e histórica que também foi a capital da Itália. Aqui você pode admirar antigos palácios nobres, uma diversidade de museus. 

Liguria

Liguria

Liguria é uma estreita faixa de terra situada entre a Riviera Francesa e a Toscana, perto de todas as principais cidades do norte da Itália, como Milão e Turim.

A Ligúria é provavelmente a costa italiana mais famosa do mundo, pela doçura de seu clima e a beleza de seu litoral.

Esta região, de facto, iniciou o seu desenvolvimento turístico no final do século XIX, quando nobres de toda a Europa vinham passar férias.

O clima da Ligúria permitem que os viajantes a visitem durante todo o ano, garantindo muitas vezes belos dias de sol, principalmente na parte oeste, a “Ponente Ligure”.

A Ligúria é também um território extremamente variado, adequado para todos os tipos de turismo: para os amantes do mar, para os amantes de férias activas e para os que gostam de saborear especialidades gastronómicas.

Seu interior está repleto de aldeias medievais verdadeiramente fascinantes que nunca ficam lotadas. Essas pequenas obras-primas são especialmente apreciadas pelos turistas estrangeiros.

Lombardia

Lombardia

A Lombardia é a região italiana mais populosa e está localizada bem no centro do norte da Itália.

Também esta região, que se estende dos Alpes, na fronteira com a Suíça, até o Vale do Pó, é rica em paisagens variadas: as populares estações de esqui no topo dos Alpes; as serras da Franciacorta onde são produzidos os melhores rótulos de espumantes brancos, produzidos com o método clássico; Os lagos que são uns mais bonitos que os outros: Lago de Garda, Lago de Como e Lago Maggiore.

Milão, capital da Lombardia, é a cidade mais importante da Itália para os negócios. Animado, rico e cada vez mais moderno a cada ano. Não perca as outras charmosas cidades da Lombardia, como Bergamo, Como, Lecco e Mantova. 

Trentino Alto-Adige

Trentino Alto-Adige

De todas as regiões italianas, Trentino é  conhecida pela beleza de suas montanhas. As mais belas e majestosas são certamente as Dolomitas, que é  Patrimônio Mundial da UNESCO.

As maiores áreas de esqui da Europa estendem-se entre essas montanhas: você pode passar um dia inteiro dentro da área Dolomiti Superski sem passar pela mesma encosta duas vezes. 

Aqui a paisagem é formidável: montanhas rochosas, florestas de Abeto, amplos vales, lagos, rios e pequenas aldeias de montanha para  se descobrir.

No Alto Adige, que também é conhecida como Sudtirol, os habitantes falam mais alemão do que italiano. Da mesma forma, a cultura e a gastronomia da região são fortemente influenciadas pela vizinha Áustria. 

Veneto

Veneto

Veneto você encontrará a cidade unica no mundo: Veneza. 

Esta maravilhosa cidade é visitada por milhares de turistas de todo o mundo, perdendo apenas para Roma. Mas o Veneto é muito mais.

Nesta região existem muitas outras cidades muito bonitas e interessantes, como Verona, Vicenza, Pádua e Treviso. Longas praias de areia, como as de Jesolo.

Um dos produtos mais conhecidos e apreciados em todo o mundo vem da região de Veneto: o prosecco, um espumante branco produzido pelo método Charmat.

Friuli-Venezia Giulia

Friuli-Venezia Giulia

Friuli Venezia Giulia é a região localizada no nordeste da Itália e faz fronteira com a Eslovênia e a Áustria.

Aqui, as vistas variam desde as altas montanhas das Dolomitas orientais às praias de Lignano Sabbiadoro.

A cidade mais importante, que é também a capital, é Trieste: uma cidade muito interessante com um rico património cultural.

Emilia romagna

Emilia romagna

Um famoso anúncio na Itália dizia que, se compararmos a Itália a uma casa, Emilia Romagna é certamente a sua cozinha.

Certamente não é assim, mas sem dúvida muitos dos produtos italianos mais famosos do mundo vêm daqui: presunto de Parma, Parmigiano, tortellini, piadina e o precioso vinagre balsâmico de Modena.

Para os amantes da gastronomia, Emilia-Romagna é certamente uma paragem recomendada.

Mas esta região também é a terra de magníficas cidades do Renascimento como Bolonha, Ferrara e Modena. Ao longo das praias ensolaradas e um tanto lotadas da Riviera Romagnola, em Rimini, Riccione, muitos turistas optam por passar as férias de verão.

Toscana

Toscana

A Toscana é provavelmente a região italiana mais famosa, internacionalmente, do ponto de vista turístico.

A primeira imagem que vem à mente quando se pensa na Toscana é a que retrata suas colinas: panoramas pontilhados de vinhedos, viali di cipressi e encantadoras vilas. 

Nesta região onde surgiu o Renascimento italiano voc6e poderá visitar todas as cidades maravilhosas das quais este período histórico extraordinário foi palco: Siena, Lucca, Pisa e, claro, Florença.

Na Toscana, são produzidos alguns dos melhores vinhos do mundo, como Chianti, Nobile di Montepulciano e Brunello di Montalcino. Se você quiser passar por aqui durante sua viagem à Itália, não deixe de provar a Bistecca alla Fiorentina.

Umbria

Umbria

Umbria é uma pequena região localizada bem no centro geográfico da Itália e é uma das poucas que não possui saída para o mar. É chamado de pulmão verde da Itália e é de fato repleto de paisagens imaculadas e de vales magníficos e de aldeias antigas.

Sem duvidas, a Umbria tem cidades com artes únicas e certamente vale a pena visitar, como: Assis, Perugia e Orvieto. Para os amantes da história, é possível visitar os testemunhos e vestígios da antiga civilização etrusca.

Marche

Marche

Do ponto de vista turístico, Marche é uma região conhecida e popular entre os italianos, mas menos conhecida internacionalmente. Esta área com vista para o Mar Adriático tem uma bela costa de longas praias de areia dourada, onde você pode passar férias relaxantes e se bronzeando.

As cidades turísticas mais conhecidas são Senigallia, Pesaro Civitanova Marche e San Benedetto del Tronto. Marche também é um destino perfeito para os amantes de esportes ao ar livre, como trekking, mountain bike e apreciar a natureza.

Os parques nacionais são Monti Sibillini e do Gran Sasso são cenários perfeitos para quem procura este tipo de férias.

Lazio

Lazio

Lazio é uma das regiões mais visitadas da Itália,  porque é onde surgiu a Cidade Eterna, Roma.  Se nunca foi a Roma, certamente é aqui que se concentra a sua visita a esta região.

Mas mesmo fora da capital há muito para ver: o Lazio é uma região repleta de sítios arqueológicos ligados à antiga civilização romana, como Ostia Antica; As colinas do Castelli Romani; os lagos da Itália central, como o Lago Bracciano e o Lago Bolsena.

Se quer provar carbonara, amatriciana (molho matriciana) ou Pasta alla Gricia feita de forma autêntica, você encontrará so no Lazio. 

Abruzzo

Abruzzo

Abruzzo, da mesma forma que as Marche , é uma região menos conhecida internacionalmente do que outras.nIsso faz de Abruzzo uma região onde você pode experimentar a autenticidade do país. 

Em seu território existem estações de esqui, parques naturais e colinas que oferecem vistas magníficas. Em Abruzzo existem espécies animais protegidas como a águia-real, o lobo e o urso marsicano.

As praias de Abruzzo no Mar Adriático são arenosas no norte e mais rochosas no sul. Os famosos arrosticini , que são deliciosos espetos de carne de ovelha, que nasceram da culinária local.

Molise

Molise

Na Itália, por falar em Molise, costuma-se dizer, em tom de brincadeira, que na realidade esta região não existe. Mas, Molise existe, e como! É uma região pequena, muito agradável e, aliás, pouco conhecida.

Quem deseja visitar Molise é aconselhado a percorrer os seus montes e serras ricas em tradições ligadas à agricultura e à sua gastronomia. O trecho da costa de Molise possui belas praias de areia branca rodeadas de vegetação mediterrânea e o seu mar é cristalino e limpo. 

Campania

Campania

A Campania é uma região repleta de história e cultura. Tendo como capital  Nápoles, além de ser uma cidade animada e um tanto caótica, é um verdadeiro museu a céu aberto e seu centro histórico é o maior da Europa.

Se dispõe de alguns dias para visitar a Campania, não pode deixar de visitar as ilhas de Capri, Ischia e Procida, uma verdadeira maravilha da natureza.

Da mesma forma, a costa de Amalfi e os vilarejos litorâneos, como Sorrento e Positano, merecem uma visita. Na Campania, você encontrará  sítios arqueológicos fascinantes e famosos, como Pompéia e Herculano.

Puglia

Puglia

Puglia, facilmente identificável no mapa até por estrangeiros porque logo no calcanhar da bota, é uma região maravilhosa, rica em natureza, histórias e tradições.Tornou-se incrivelmente popular, quando as fotos de suas vistas deslumbrantes chegaram aos jornais de todo o mundo.

Atualmente, a Puglia está na moda, especialmente entre os turistas italianos. Na verdade, no verão é muito popular e movimentado. Aqui estão maravilhosas praias de areia branca e águas cristalinas. Vale a pena visitar os tradicionais Trulli, na característica vila de Alberobello, por exemplo, que faz parte da lista do Patrimônio Mundial da Unesco.

Basilicata

Basilicata

Muitas vezes, quem visita Basilicata não o faz por acaso: a maioria dos visitantes vem aqui para conhecer a cidade de Matera, tombada pelo patrimônio mundial da Unesco. 

Matera, conhecida como a Cidade do Sassi, é uma cidade única que possui uma densa rede de cavernas esculpidas na rocha. Mas Basilicata não pára por aí. Toda a região de escalada dos Appennini está repleta de florestas, lagos espetaculares e belas aldeias.

Calábria

Calábria

A Calábria está localizada na ponta da bota e quase totalmente cercada pelo mar. Como você pode esperar, é uma região repleta de belas praias.

No entanto, esta região é muito menos desenvolvida para o turismo do que outros destinos italianos. Essas características o tornam um destino ideal para quem deseja desfrutar de uma experiência autêntica e pacífica em um destino clássico do sul da Itália. 

Sicília

Sicília

A Sicília é a maior ilha do Mediterrâneo, e sua posição no centro das rotas desse mar fez dela uma terra de conquistas ao longo da história. As numerosas populações que por aqui passaram, incluindo  os Gregos, os Romanos, a Árabe, os Normandas, os Franceses, deixaram evidências na arquitetura, mas também na cultura e na gastronomia.

A Sicília é uma região a ser descoberta tanto por seus numerosos e fascinantes sítios arqueológicos, como o Vale dos Templos de Agrigento, quanto por suas magníficas praias e arquipélagos. Ao visitar a Sicília, é impossível não visitar cidades maravilhosas, incluindo Taormina, Siracusa, Mondello, Cefalù, Modica e Noto. 

Sardegna

Sardegna

A Sardenha é certamente um dos destinos preferidos dos italianos que amam férias ao mar. Na verdade, a Sardenha está repleta de praias maravilhosas, como os da Costa Esmeralda. Na parte norte da ilha, pratica-se a vela e os esportes náuticos associados com o vento, como o windsurf e o kitesurf.

A parte interna, por outro lado, é muito menos povoada e é composta por áreas cultivadas ou onde se pratica a criação. A Sardenha é muito popular nos meses de julho e agosto, muito tranquila no resto do ano.

Quer conhecer mais sobre os pontos turísticos da Itália?

Acompanhe outros textos que temos aqui no blog.

POSTS RELACIONADOS

Visitar

Pratos típicos de Natal na Itália

18/11/2021
Visitar

Como aproveitar o fim de ano no inverno italiano

16/11/2021
Visitar

Rotas do vinho imperdíveis na Toscana

28/10/2021