Como aproveitar o fim de ano no inverno italiano

Como aproveitar o fim de ano no inverno italiano

16.11.2021

Se a única coisa que você decidiu para o próximo fim de ano é que quer dar “adeus ano velho e brindar feliz ano novo” no inverno italiano, mas ainda não sabe exatamente onde ou o que fazer, você chegou ao lugar certo. 

O mês de dezembro e início de janeiro é um período considerado de baixa temporada na Itália e, por isso, é possível desfrutar da Itália com muito mais tranquilidade do que nos meses de verão, mesmo com as temperaturas despencando.

Com o casaco e meias certas na mala, você terá um final de ano inesquecível.

Abaixo você encontra todas as nossas dicas, os locais mais populares e os eventos mais interessantes para aproveitar os últimos dias do ano no friozinho da Itália.

Prepare-se: as temperaturas na Itália no final de ano

Dona de um território extenso e com elevações muito diferentes, é impossível categorizar todas as regiões italianas dentro de uma mesma faixa de temperatura, seja no inverno, seja no verão.

Por isso, a sua mala de viagem vai depender necessariamente do seu destino dentro do país da bota. 

Enquanto no Norte da Itália, as temperaturas giram em torno de -4 e 5°C, na Itália Central, elas variam entre 5 e 13°C. Já no Sul da Itália, onde o sol brilha mais forte, o inverno é bem menos intenso. As temperaturas ficam entre 13 e 16°C.

O que você pode esperar, seja onde estiver, é por dias com menos horas de luz e dias chuvosos ocasionais.

E neve? Onde é possível encontrar neve na Itália em dezembro?

A neve é ​​comum em muitos lugares do país, mas se você quer ver neve na Itália no final de ano – e não correr o risco de se decepcionar por não encontrá-la em Milão – a dica é correr para as montanhas e em altitudes mais elevadas. 

É que embora o mês de dezembro seja frio, a neve pode não dar o ar da graça antes do final de janeiro.

Além disso, não podemos deixar de encarar que a mudança climática é fato e hoje é muito difícil estabelecer qualquer regra relacionada ao clima.  

Portanto, se você quiser encontrar neve “a todo custo”, reserve parte dos dias da sua viagem para visitar as cidades dos Alpes ou das Dolomitas, na região norte da Itália. 

Além de encontrar neve, você terá direito a presenciar paisagens espetaculares.

Dicas de como curtir o fim de ano no inverno italiano 

A Itália no final do ano é destino ideal para os turistas amantes do país e do frio. Com menos multidões, preços mais baratos e grandes celebrações festivas, dá para se despedir do ano que passou curtindo bastante. 

Aqui estão algumas dicas, locais e eventos para você aproveitar o final de ano no inverno italiano:

Esqui: aproveite o inverno italiano

Dezembro é o início da temporada de esqui na Itália e também de todos os outros esportes de inverno que nós, brasileiros, só conhecemos pela TV.

Essa é, portanto, a sua oportunidade de tentar algo novo ou mesmo desfrutar de uma atividade que ama, mas não tem como praticar no Brasil.

O melhor destino fica nas Dolomitas, na bela Cortina D’Ampezzo. O resort de Dolomiti Superski cobre 1.200 km de pistas e é bem popular.

Val Gardena é outra ótima opção no Tirol do Sul, com 400 quilômetros de pistas, enquanto Alta Badia é popular para famílias e iniciantes. 

Além disso, a região é repleta de SPAs e águas termais, oferecendo as melhores opções para relaxar após um dia nas pistas, no frio. 

> Lembre-se de contratar sempre um seguro viagem quando for à Europa, principalmente se for se aventurar em esportes radicais!

Celebrar o Natal na Itália

Estar na Itália – mais especificamente em Roma ou Vaticano – para o Natal é um sonho para muita gente.

Quando o Coliseu e o Vaticano colocam suas árvores de Natal, eles ficam ainda mais mágicos e especiais!

Para os católicos, o ponto alto do Natal nesse destino, entretanto, é assistir à Missa na noite de véspera celebrada pelo Papa Francisco na Basílica de São Pedro.

A famosa missa do Galo hoje não é mais celebrada à meia-noite, mas às 21h30, a pedido do Papa há alguns anos. Em 2020, a missa foi transferida para às 19h30 devido ao toque de recolher em razão da Covid.  

Em 2021, espera-se que a celebração volte a acontecer como antes da pandemia. Para participar ao vivo e a cores é preciso reservar com antecedência no site oficial do Vaticano. É totalmente gratuito.

> Tenha dicas exclusivas de viagem,  em vídeo, para desfrutar do melhor de Roma!


Seguros Promo

Compras e os mercados de rua em dezembro na Itália

Não dá para dizer que aproveitou o fim de ano no inverno italiano sem passear por um dos mercados de rua mais tradicionais da Itália, saboreando as comidas festivas e apreciando as decorações do artesanato local da Itália.

Se você está procurando a experiência perfeita do Mercado de Natal na Itália, esqueça Milão, Roma ou Veneza e siga para as pequenas aldeias nas montanhas próximas à fronteira com a Áustria, no Tirol do Sul. 

Os melhores lugares para vivenciá-los são as cidades de Trento, Merano e Bolzano. Esta parte da Itália tem uma forte influência germânica e é aquela com os melhores e mais autênticos mercados de Natal.

No lado mais ocidental da Itália, já em fronteira com a Suíça, também é possível desfrutar da magia dos mercados de Natal. Os mais bonitos estão nas cidades próximas ao Lago Maggiore e em Santa Maria Maggiore.

Mesmo para quem não está nem aí para o Natal, avistar uma árvore de Natal montada em uma praça de uma das grandes cidades italianas é sempre um ótimo sinal: é lá que você pode saborear diferentes iguarias sazonais deliciosas. 

De castanhas assadas a chocolate quente, prove tudo o que puder, mas especialmente o Bombardino. A bebida feita tradicionalmente com leite, uísque e zabaglione ou, numa versão mais moderna feita com creme, conhaque e café é a forma mais saborosa de se aquecer no inverno italiano. 

Réveillon na Itália

É difícil falar de festa de Réveillon fora do Brasil. Parece que nenhum lugar consegue superar a atmosfera, o clima e a energia da nossa virada de ano. 

Estando na Itália, você deve se despir dessa imagem dos Reveillons brasileiros e estar aberto para uma experiência nova, ok?

Ainda assim é possível encontrar celebrações com música ao ar livre, dança e fogos de artifício nas praças de cidades como:

  • Roma: com shows na Piazza del Popolo e na Via dei Fori Imperiali perto do Coliseu;
  • Veneza: na Praça de São Marcos 
  • Nápoles: músicas ao ar livre na Piazza del Plebiscito e ao longo do Lungomare Liberato e
  • Florença, como veremos adiante.

Mas a melhor pedida para passar o Réveillon na Itália é ainda, na nossa opinião, sentado à mesa, experimentando a comida e o vinho locais, misturado aos italianos.

Mesmo no interior é possível encontrar jantares com direito à música ao vivo com menus fartíssimos para comemorar a chegada do Ano Novo. 

O único detalhe é que é praticamente impossível conseguir uma mesa de última. 

Portanto, para ter um final de ano inesquecível, o seu planejamento de viagem à Itália para o final de ano deve começar pela noite de Réveillon. 

Toscana sob a névoa: sim, é uma boa ideia

Mesmo que o sol não esteja brilhando sob as colinas e plantações de girassóis da Toscana, é  sempre uma boa época visitar Florença e toda a região, e dezembro não é exceção.

Muitas cidades da Toscana iluminam-se no Natal com pequenos mercados maravilhosos e presépios: Siena, Lucca e Montepulciano estão entre os mais conhecidos.

Em Florença, o tradicional mercado de Natal “alemão” na Piazza Santa Croce ganha vida entre 20 de novembro e 19 de dezembro. Nos jardins da Fortezza da Basso você poderá se divertir no rinque de patinação no gelo e na roda-gigante que ficam ativos até as primeiras semanas de janeiro.

Já para a virada de ano, Florença costuma festejar com shows em vinte praças espalhadas pela cidade, cada uma dedicada a uma atração musical diferente, para agradar a todos os gostos.

Para uma virada de ano cultural e alternativa, você pode passar em um dos teatros da cidade, que sempre reservam espetáculos próximos da meia noite. 

Curtiu essa opção?

Vasculhe nos sites dos Teatro Verdi, Teatro di Rifredi, e Teatro Puccini para visualizar o calendário de eventos, com preços e horários.

Leia também: 5 boas razões para você visitar a Itália no inverno

Final de ano na Itália: lugares para evitar 

Poucos são os lugares para evitar em sua visita à Itália em dezembro.

Falamos de destinos do litoral, que costumam “esfriar” nessa época do ano.

Por exemplo, lugares como Cinque Terre e a Costa Amalfitana, embora lindos em qualquer época do ano, podem não ser os melhores para visitar em Dezembro, já que parte dos estabelecimentos fecha as operações quando fica frio. 

Assim, apesar de poder curtir o visual sem as multidões, a maioria dos restaurantes, lojas e hotéis permanecem fechados nessa época do ano.

Feriados no final de ano na Itália: fique atento

E, por fim, fique atento ao calendário festivo italiano no mês de dezembro para não ser surpreendido.

Várias festividades importantes acontecem durante este mês na Itália e poderão impactar seus planos tanto em termos de fechamentos de atrações como de transporte.

Confira as datas:

24 de dezembro: véspera de Natal. As lojas fecham cedo para permitir que as pessoas se preparem para  a cena da vigília.

25 de dezembro: Dia de Natal, feriado nacional, muitas atrações e restaurantes fechados.

26 de dezembro: Dia de Santo Estêvão, algumas atrações permanecem fechadas neste dia.

31 de dezembro: A véspera de ano novo não é feriado nacional, mas assim como na véspera de Natal, é um dia que afeta os horários de funcionamento do comércio.

1º de Janeiro: Conhecido como Capodanno, o dia é feriado nacional e os estabelecimentos ficam fechados.

Para aproveitar sua viagem de final de ano pelo inverno italiano, prepare as suas malas para enfrentar temperaturas baixas, planeje-se para não ficar na mão com os feriados locais e aproveite o que de melhor a temporada tem a oferecer à você.

> Prepare-se para voar para o país da bota no inverno com valores mais baratos através da Passagens Promo!

Esperamos que você tenha gostado deste rápido panorama da Itália em dezembro e que tenha lhe dado boas ideias para sua viagem de final de ano no inverno italiano. 

Buon Viaggio e Buone Feste!