Aeroportos na Itália: descomplicando sua chegada

Aeroportos na Itália: descomplicando sua chegada

15.09.2020

Você comprou as passagens, fez as malas e esperou ansiosamente pelo dia da sua tão sonhada viagem para a Itália. 

No aeroporto, ainda no Brasil, você passa pelos procedimentos até chegar à sala em embarque e fica se perguntando: “como será minha chegada no aeroporto lá na Itália?”

Partir para um destino internacional sempre dá um friozinho na barriga, ainda mais quando é a primeira vez no país.

Para descomplicar essa questão para você, nós reunimos algumas informações para tornar a sua chegada à Itália mais tranquila.

Siete pronti?

Chegando à Itália de avião: quais são os aeroportos internacionais na Itália

Incluído aeroportos de pequeno e médio porte, civis, de carga e militares, a Itália contabiliza mais de 100 deles espalhados pelo seu território, dá para acreditar? 

Dois deles, entretanto, recebem cerca de 40% de todos os voos intercontinentais e internacionais com destino à Itália. São eles, o aeroporto Leonardo da Vinci, em Roma e o aeroporto de Malpensa, em Milão.

No caso do Brasil, todos os voos diretos para Itália têm como destino uma dessas duas cidades italianas, ou seja, Roma e Milão.

Um dos aeroportos na Itália mais movimentados, o Aeroporto Malpensa em Milão, com vista para os Alpes ao fundo.
Aeroporto Malpensa em Milão, com vista para os Alpes ao fundo

Já os aviões que chegam à Itália provenientes de outros países da Europa, podem pousar também em um dos outros numerosos aeroportos do país. 

Nessa segunda possibilidade, entram os casos em que o viajante brasileiro não entrará diretamente em solo italiano, mas fará conexão em algum outro país europeu. Também acontece quando o turista se locomove de avião dentro da Europa, com uma companhia aérea de baixo custo, por exemplo.

A fim de ilustrar a essa segunda situação, imagine que alguém resolve passar alguns dias de férias de Hamburgo, na Alemanha, e depois parte com um voo para a Itália. Nesse caso, há várias possibilidades de destino dentro do país da bota à disposição do viajante. Há voos diretos de Hamburgo para Bari, Veneza, Catania, Nápoles, Trieste, etc.

Quais são as cidades que possuem aeroportos na Itália?

Como vimos, os aeroportos de Malpensa e Leonardo da Vinci são os mais movimentados de todo o país, mas todas as principais cidades italianas estão conectadas com voos diários frequentes.

Chegada nos aeroportos da Itália seguem o protocolo de todos os demais países da área Schengen

Os aeroportos menores estão amplamente distribuídos por toda a península. Com exceção de Molise e Basilicata, todas as outras regiões italianas possuem um ou mais aeroportos regionais.

As cidades maiores, entretanto, são servidas com voos em maior frequência. As principais cidades italianas que recebem voos tanto de Malpensa como do aeroporto Leonardo da Vinci são, segundo a região:

  • Sicília: Palermo, Catania, Trapani, Comiso
  • Apúlia: Bari, Brindisi
  • Emilia-Romagna: Bologna
  • Campania: Napoli
  • Liguria: Genova
  • Veneto: Venezia, Verona
  • Sardegna: Olbia, Cagliari, Alghero
  • Toscana: Firenze
  • Piemonte: Torino
  • Calábria: Reggio Calabria, Lamezia Terme

Qual aeroporto descer na Itália: escolhendo o aeroporto certo

Para não cair em uma cilada e perder horas na estrada com transfers ou outros meios de transporte para chegar na cidade de destino é importante considerar qual aeroporto chegar na Itália.

Se considerarmos os voos diretos do Brasil, o aeroporto de Malpensa é ideal para quem visita o Piemonte e toda a região norte da Itália. Para quem vai visitar o centro da Itália, ou mesmo a Costa Amalfitana, descer em Roma é mais recomendado. 

Lembrando que para visitar outras cidades italianas, você pode pegar um voo doméstico, mas as principais cidades italianas também são muito bem conectadas por trem.

Saiba agora mais detalhes de cada um dos aeroportos italianos que recebem voos diretos do Brasil.

Aeroporto de Malpensa, Milão

O principal aeroporto da região de Milão é o aeroporto de Malpensa, localizado a noroeste da cidade. É o aeroporto mais próximo de cidades como Como, Varese e Navara e também é a melhor opção de viagem quando se vai a Lugano ou a algumas das populares estações de esqui da Itália e mesmo da Suíça.

O aeroporto de Malpensa possui dois terminais, bastante distantes um do outro. Em geral, o Terminal 2 é o terminal reservado aos voos de companhias de baixo custo, enquanto o Terminal 1 atende todos os outros voos, inclusive os vindos do Brasil.

Se for necessário ir de um terminal ao outro, existe um serviço de ônibus gratuito que liga os dois terminais.

E para quem está só de passagem por Milão Malpensa a espera de outro voo, tem a opção de ficar hospedado em um dos hotéis localizados dentro do aeroporto. No Terminal 1 fica o Sheraton e no T2 há o Moxy.

Aeroporto Leonardo da Vinci-Fiumicino, Roma

É o maior aeroporto da Itália. O aeroporto internacional Leonardo da Vinci está localizado em Fiumicino, a cerca de 30 km a oeste de Roma. Para quem viaja com destino às regiões do Lazio, Umbria ou Abruzzo, o aeroporto de Roma é a melhor escolha.

O aeroporto possui quatro terminais: T1, T2, T3 e T5. Esses terminais são dedicados a voos domésticos, internacionais e intercontinentais das grandes companhias aéreas do mundo. Os voos de companhias low cost chegam ao segundo aeroporto romano, o de Roma Ciampino.

Em relação aos voos que chegam do Brasil, a LATAM Airlines não possui um terminal definido no Aeroporto de Roma Fiumicino, mas geralmente a companhia opera nos terminais Terminal 1 ou Terminal 3.

Em relação à Alitalia, os voos nacionais e aqueles provenientes da Área Schengen chegam ao Terminal 1. Os voos intercontinentais e de países não pertencentes à área Schengen, como é o caso do Brasil, chegam ao Terminal 3.

Para quem está apenas de passagem, há um hotel Hilton a 5 minutos a pé dos terminais do aeroporto, conectado ao nível superior dos terminais 1, 2 e 3 por uma passarela. Mas há também muitos hotéis a poucos minutos de táxi na cidade de Fiumicino.

Como funcionam os trâmites na chegada nos aeroportos internacionais da Itália

Aeroportos na Itália e a expectativa da chegada.

Nenhum segredo por aqui. Os trâmites na chegada nos aeroportos internacionais da Itália seguem o protocolo de todos os demais países da Área Schengen. Seja no aeroporto de Milão, seja no aeroporto de Roma, o passageiro passará primeiro pelo controle de passaportes. Em seguida, segue-se para a recuperação da bagagem no carrossel e por último, pela alfândega. 

O atendimento em todas as etapas costuma ser muito cordial, profissional e sem maiores complicações. 

Lembre-se que você deverá ter em mãos o seu passaporte e os documentos que eventualmente poderão ser exigidos pelo agente da imigração, quais sejam, comprovante de meios financeiros para se manter na Itália durante a sua estadia, bilhete aéreo de retorno, comprovante de reserva em hotéis, etc. 

Parece óbvio, mas não custa lembrar: os brasileiros com dupla nacionalidade devem apresentar o passaporto rosso na fila da imigração reservada aos nacionais.
E, por último, mas não menos importante, não esqueça de contratar um seguro viagem Europa ainda no Brasil. É a forma mais tranquila de você de viajar sem perder a cabeça com possíveis imprevistos.

No aeroporto: Palavras e Expressões Úteis em Italiano

Apesar dos aeroportos na Itália serem bem sinalizados, inclusive na língua inglesa, é normal que na hora da correria ou da emoção na chegada a um novo país a gente se sinta meio perdido. Quando o aeroporto é grande – como é o caso dos aeroportos de Milão Malpensa e de Roma Fiumicino – a chance de se perder é ainda maior.

Para ajudar você a se localizar com tranquilidade no aeroporto na sua chegada à Itália, relacionamos abaixo as algumas palavras e expressões no idioma italiano que vão te ajudar na hora do desembarque:

  • Andata e ritorno: Ida e volta
  • Arrivi: voos de chegada
  • Assistenza bagagli: achados e perdidos
  • Bagagli: bagagens
  • Bagaglio a mano: mala de mão
  • Biglietto aereo: passagem aérea
  • Carta d’imbarco: cartão de embarque
  • Carrello (portabagagli): carrinho para malas
  • Compagnia aerea: companhia aérea
  • Controllo dell’immigrazione | Controllo passaporti: controle de imigração
  • Dogana: alfândega
  • Partenze: voos em partida
  • Passaporto: passaporte
  • Ritiro bagagli: área de recebimento das bagagem
  • Sale d´imbarco: salas de embarque
  • Toilette: banheiro, toalete
  • Transiti: conexões
  • Ufficio di cambio: casa de câmbio
  • Uscita/ Gate: portão de embarque
  • Volo in ritardo: voo atrasado

Ed, eccole là, toda a informação que você precisa para desembarcar no aeroporto na Itália sem complicação nem stress.

Buon viaggio! 

Não deixe de conferir ainda nossos outros textos sobre a Itália:

E para aprofundar um pouco mais, outros artigos também interessantes sobre o “país da bota”:

POSTS RELACIONADOS

Visitar

Capela Sistina: da sabedoria a audácia

13/09/2020
Morar

Viver em Milão: custo de vida na capital da moda

04/09/2020
Visitar

Roteiro completo para a cidade de Como na Itália

20/08/2020