Lugares que você tem que visitar na Holanda

Lugares que você tem que visitar na Holanda

27.04.2020

Está planejando visitar a Holanda e busca o roteiro perfeito para não deixar de aproveitar nada no país? Então prepara-se para um conteúdo repleto de dicas que vão deixar sua experiência holandesa ainda melhor!

Importante dizer que existem voos diários saindo do Brasil diretamente para a Holanda, pela cia KLM. A moeda local é o Euro e o idioma oficial é o holandês, mas praticamente todo mundo fala inglês tão bem quanto o idioma local.

O país é bastante procurado por turísticas e está na lista de lugares mais visitados na Europa (para conferir a lista completa, acesse aqui. E muitas visitas só deve significar uma coisa: visita indispensável!

Visitar a Holanda começando por Amsterdam

Não podemos falar em visitar a Holanda sem mencionar, obviamente, a capital Amsterdam. Ela é considerada a terra da maconha, é verdade, mas ao pisar na cidade é possível perceber que seu encanto vai muito além. Uma cidade repleta de gente bonita, trânsito de bicicletas, cantinhos aconchegantes e muita arte.

Entre as atrações holandesas, um excelente roteiro na Holanda não pode deixar de fora o incrível Museu Van Gogh, excelente para quem gosta das artes do pintor. O local conta com as artes mais famosas do artista e ainda, com uma loja de lembrancinhas incrível – difícil sair de lá sem se encantar por algum item

bicicletas-holanda
A cidade é linda demais!

Outra parada obrigatória na cidade é o Rijksmuseum, local indicado para aqueles que, assim como citado anteriormente, amam arte e cultura em um único ambiente. O espaço é procurado por muitos turistas e conta com grandes filas, por isso, se possível, adquira seu ingresso com antecedência.

Em frente ao museu, um ponto bastante concorrido pela foto perfeita, afinal, lá fica localizado o famoso letreiro “I am sterdam”. Aproveite o momento da foto para curtir ao redor, sempre com algum artista cantando ou tocando alguma música e alegrando ainda mais a região. Nos dias mais quentes ou amenos, um lago está disponível deixando o ambiente ainda mais charmoso. No inverno, o lago dá espaço a patinação de gelo, garantindo a diversão e alguns tombos.

Um roteiro na Holanda também não pode deixar de contar com a Heineken e a experiência incrível que o prédio da cerveja holandesa oferece. O Heineken Experience é um ambiente interativo criado para passar um pouco sobre a história e o processo de criação da bebida. O local atrai muuuitos turistas que, naturalmente, saem de lá degustando a cerveja.

Não poderíamos deixar de incluir o “Distrito da Luz Vermelha” ou, em inglês, “Red Light District”. Vale dizer que esses quarteirões são destinados a maiores de 18 anos. Sob diversas luzes vermelhas, neste ambiente é proibido tirar fotos ou gravar vídeos em respeito às pessoas expostas ali. Por ser um pouco diferente do que estamos acostumados a ver diariamente, a região atrás muitos curiosos. 

Aos estudiosos da História na Europa, provavelmente o nome Anne Frank não é estranho. E é em Amsterdam que fica situado o museu que conta a história da garota e de sua família que passaram anos escondidos no sótão de uma casa durante a segunda guerra mundial.  Tocante e emocionante. A visita vale muito a pena e deve estar presente no seu roteiro na Holanda.

Vá além de Amsterdam…

Amsterdam conta com muitos turistas diariamente, tornando-se muito agitada e repleta de filas para visitar os pontos turísticos. E, para absorver ainda mais da cultura holandesa, vale a pena incluir no roteiro uma visita a outras cidades também.

A começar por Rotterdam, a cidade oferece aconchego do começo ao fim, mas sem a agitação de uma cidade grande. Um dia já é o suficiente para se apaixonar.

Diferentemente de muitas cidades europeias, Rotterdam conta com uma arquitetura bastante moderna, isso porque a cidade foi destruída durante a segunda guerra mundial e reconstruída alguns anos depois. 

Aproveitando a visita em uma região mais calma, curta os cafés e lojas de queijo espalhados por lá, além de claro, se deliciar com um stroopwafel, um doce local que consiste em uma “bolacha” com a massa semelhante à de um waffle, recheado de caramelo. Puro, ele já é uma delícia.. se deixado por um período em cima de um copo com alguma bebida quente, então.. melhor ainda!

Os moinhos mais fomosos… 

Se tiver a oportunidade de estender seu roteiro na Holanda e conhecer a cidade de Molewaard, aproveite, afinal, o país é bastante conhecido pelos seus moinhos e é em Kinderdijk que você conseguirá curtir essa experiência de uma forma bastante completa.

moinhos-e-tulipas
Moinhos e tulipas holandesas

Próximo de Rotterdam, Kinderijk conta com 15 moinhos de vento e que funcionam até hoje para a alegria dos turistas. No local não há nada para fazer além de apreciar a vista, os moinhos e tirar muitas fotos. Se o dia estiver enrolado, o cenário se torna ainda mais encantador.

Partiu Holanda!

Agora que você já tem um roteiro completo para a visitar a Holanda, basta se programar para conhecer esse país tão encantador. 

Ah, não deixe de dar umas voltas de bicicleta por lá e depois compartilhar com a gente o que você mais gostou de um dos países mais liberais por aí…

POSTS RELACIONADOS

Morar

Passo a passo para se mudar para a Holanda

29/11/2020
Visitar

Qual é a diferença entre Holanda e Países Baixos?

18/11/2020
Visitar

Roteiro de 7 dias na Holanda

14/09/2020