Como procurar emprego na França estando no Brasil

Como procurar emprego na França estando no Brasil

12.09.2021

Se você tem menos de trinta anos é até possível que não tenha experimentado isso, mas até muito pouco tempo atrás, o jeito mais fácil de procurar emprego era batendo de porta em porta com um currículo embaixo do braço. Entenda o novo jeito de procurar emprego na França estando no Brasil.

Nesse cenário, procurar emprego no exterior estando ainda no Brasil seria impensável.

A vantagem é que hoje, tudo – até mesmo uma vaga de emprego na França! – está a um clique de distância.

Mas não se engane: procurar emprego no exterior, mesmo com a ajuda da tecnologia, continua exigindo tempo, paciência e perseverança. 

Se você deseja realmente cruzar o oceano para viver uma experiência profissional na França, terá que se preparar para uma busca nem sempre breve, mas, com toda certeza, gratificante.

Nesse artigo nós reunimos as melhores dicas de como procurar emprego na França estando no Brasil.

Confira!

Procurando emprego na França: prepare o terreno. 

A menos que você esteja apenas fazendo uma pesquisa para satisfazer a sua curiosidade acerca do mercado de trabalho na França, é bom que você comece essa investida do jeito certo.

Você já sabe, por exemplo, quais as exigências legais para poder trabalhar na França? 

Já possui visto de permanência no país que lhe habilite a trabalhar por lá? 

Quem sabe você possui direito ao reconhecimento de uma nacionalidade europeia…  Esses papéis podem ajudar e muito na hora de ser contratado na França.

Portanto, o primeiro passo para trabalhar na França é verificar as particularidades legais do país para poder assumir o cargo que você deseja no período em que você pretende viver por lá.

Se você precisar de ajuda profissional para a busca desses documentos, você pode contar com a assessoria do Conexão Europa. Basta mandar uma mensagem em nossa página de serviços, que entraremos em contato assim que possível.

Além disso, é preciso que você comece a pensar como um francês, no sentido de que toda a sua preparação se volte ao estilo de contratação do seu país de destino.  

Fique atento, portanto, aos seguintes aspectos:

Adapte o seu currículo às especificidades do método de recrutamento francês

Cada país possui características culturais também na hora de contratar um funcionário. Na França, o Curriculum vitae (Résumé) deve estar sempre acompanhado de uma carta de motivação.

Por lá, o diploma e as qualificações são vantagens que despontam sobre itens como interesses e motivação pessoal, mas não as subestime. 

Dê destaque aos seus cursos e treinamentos na hora de preparar o seu currículo – que preferencialmente não deve conter mais de uma página!

Já na carta de motivação, procure ser o mais espontâneo possível, fale das suas qualidades e das competências que adquiriu não só pelos empregos que exerceu mas também pelas suas experiências de vida.

Prepare-se para a entrevista

Passar por uma entrevista de emprego na língua materna já causa ansiedade. Em uma língua estrangeira, então, esse sentimento é potencializado. 

O segredo para superar esse momento não é outro senão treino! 

Disponha um tempo e prepare-se bem para as entrevistas, inclusive diante do computador. 

Lembre-se que é preciso cuidar também dos detalhes técnicos: ambiente silencioso, bateria 100%, fundo organizado, enquadramento adequado em câmera e luz adequada.


Seguros Promo

Investigue a possibilidade de reconhecer o seu diploma pelas autoridades francesas

Promover seus diplomas por meio de reconhecimentos e equivalências fazem muita diferença para que eles sejam reconhecidos pelo seu real valor na França.

O primeiro passo para quem pretende revalidar o seu diploma de ensino superior e médio na França é entrar em contato com o Centro Internacional de Estudos Pedagógicos (CIEP), e verificar as exigências caso a caso para a obtenção de um “atestado de comparabilidade”.

Procure pela vaga certa e prepare-se desde já para assumir o seu posto de trabalho

De nada adianta encontrar  vaga dos seus sonhos, se você não estiver preparado para assumi-lo. Suas chances de passar no processo seletivo e se manter no cargo depois da contratação dependem do seu conhecimento técnico e das suas habilidades.

Portanto, à medida que você investiga as vagas de emprego oferecidas na França, sugerimos que você tome algumas providências:

  • Reforce as suas competências linguísticas: esta é a primeira coisa a fazer para facilitar a sua procura de emprego no estrangeiro. É óbvio que entender e falar o francês só pode otimizar suas chances de ser contratado mais rapidamente.
  • Conhecer os hábitos culturais dos franceses: isso o ajudará tanto na fase da entrevista como a se integrar mais facilmente em seu novo local de trabalho. Adquirir os hábitos e costumes e também as práticas culturais profissionais permitirão que você se adapte melhor à nova cultura que agora fará parte do seu dia a dia.

> Pensando em como irá fazer transferências internacionais de dinheiro depois que assumir o seu emprego na França? O Conexão Europa recomenda os serviços do Remessa Online! 

Como procurar emprego na França estando no Brasil

O meio mais simples de encontrar emprego na França remotamente é fazer buscas em sites especializados.

Abaixo, relacionamos primeiro os sites oficiais e depois os de organizações privadas. É por eles que você definitivamente deve começar a busca pelo seu trabalho antes mesmo de pisar no território francês:

  • Pôle Emploi International: O site de empregos oficial do governo francês é o mais famoso da França e está repleto de anúncios e oferece todos os tipos de empregos: CDD, CDI, Ocasional, etc. No momento em que escrevemos essas linhas, o site apresenta mais de 980 mil vagas de empregos disponíveis!
  • Agence pour l’Emploi de Cadres: a APEC é outra agência nacional, especializada na contratação de executivos, e também possui uma lista de empregos bem abastecida.
  • EURES: é o site da Comunidade Europeia criado com o objetivo de facilitar a livre circulação de trabalhadores dentro da Europa. Mesmo que ele não tenha sido pensado em você, na condição de brasileiro e sem possuir cidadania europeia,  o portal pode trazer oportunidades bem interessantes já que ele tem como base a filosofia de incluir cidadãos estrangeiros. Vale a pena dar uma pesquisadas nas mais de 700 mil vagas oferecidas na França.

Abaixo, reunimos outros sites promissores para você encontrar a vaga que você tanto quer:

Alguns desses sites são reservados para áreas específicas, como para trabalhos com tecnologia da informação ou para executivos. 

Se você já sabe qual vaga está buscando, pode encontrar outros sites especializados na sua área de interesse e aumentar as chances da sua contratação.

Vá até à empresa… sem sair do Brasil

Outra opção bem interessante para quem quer encontrar uma vaga de trabalho na França é procurar por empresas brasileiras que operam naquele país.

Com a cultura organizacional mais familiar, você pode se sentir mais à vontade para se aplicar a uma vaga e as chances de contratação tendem a aumentar.

A fim de identificar as empresas brasileiras localizadas na França, a Câmara de Comércio e Indústria brasileira na França dispõe de um banco de dados atualizado. Portanto, é possível mirar certas empresas, estabelecimentos ou negócios com raízes brasileiras na França ao enviar currículos.

Procure ajude local

Sim, todas essas buscas em sites podem ser demoradas e gerar uma certa frustração se você tem pressa para se mudar para a França.

Um caminho que pode encurtar a sua ida para a Europa pode ser contar com a ajuda de quem já vive na França e entende bem esse momento que você está passando.

Isso mesmo, é mais eficaz encontrar emprego com a ajuda de brasileiros que já estão na França. Se você não conhece ninguém que more lá, pode começar por grupos de Facebook. 

Pesquise por “Brasileiros na França”, ou seja ainda mais específico, indicando a cidade ou região onde pretende morar. Suas buscas tendem a ser mais sucedidas ao procurar por “Brasileiros em Lyon”, por exemplo.  

Nada melhor que a experiência e dicas de brasileiros expatriados para te ajudar nessa jornada.

Por fim, se você tiver chance, enriqueça sua experiência profissional aproveitando as oportunidades de trabalho que surgirem na França mesmo que num primeiro momento ela não seja a ideal. 

O fato de você se lançar em um processo seletivo para um cargo menor, trará mais confiança para passar pelo próximo e ainda trará uma experiência adicional para você se destacar de outros candidatos.

Esperamos que essas dicas ajudem você a começar a procurar um trabalho na França que lhe permita sustentar seu sonho de morar fora. Muito boa sorte!

E se quiser saber mais sobre o mercado de trabalho francês, confira outras dicas em Quer trabalhar na França? Saiba por onde começar

POSTS RELACIONADOS

Morar

Custo de vida médio para começar a vida na França

14/08/2021
Visitar

As 10 atrações turísticas mais visitadas da França

17/07/2021
Visitar

5 maratonas para amantes da corrida e do vinho na França

16/07/2021