Roteiro no leste europeu, conheça destinos incríveis

Roteiro no leste europeu, conheça destinos incríveis

22.09.2020

Fazer um roteiro no leste europeu está se tornando cada vez mais popular entre os viajantes de todo o mundo. A ideia de visitar lugares incríveis, seguros, cultural e historicamente ricos por um preço bacana agrada muita gente!

Também te balança?

Pois saiba que em menos de 2 semanas é possível ter uma bela experiência aos encantos do Leste Europeu. Nesse post, combinamos os destaques da República Tcheca, Polônia e Hungria para quem deseja conhecer o essencial da Europa Oriental. 

Nosso roteiro no Leste Europeu sugerido é de 10 dias e é perfeito para quem quer ver o melhor que a região tem a oferecer, mas não têm muito tempo para sair das grandes cidades e ou desbravar destinos menos conhecidos, ou seja, ótimo se é a sua primeira vez pela Europa Oriental!

Bora viajar com a gente por esse roteiro no leste europeu?

Dia 1-2: Varsóvia, Polônia

Varsóvia - Leste Europeu

Comece com dois dias na dinâmica Varsóvia, visitando as lindas praças e os parques reais no seu renovado centro histórico. 

A capital da Polônia sofreu enormes danos durante a Segunda Guerra, mas hoje é uma cidade completamente reconstruída, vibrante e conhecida por sua atmosfera amigável.

Um ótimo start para sua visita é caminhar pela principal rua da cidade, a  Krakowiskie Przedmiescie para começar o passeio pela Rota Real até o Castelo e a Cidade Antiga. 

O que visitar em Varsóvia, Polônia:

  • Parque Łazienki
  • Praça do Mercado da Cidade Velha
  • Museu da Revolta de Varsóvia
  • Palácio da Cultura e Ciência
  • A Tumba do Soldado Desconhecido
  • Memorial do Gueto Judaico

Entre uma atração e outra, não deixe de se deliciar com esse destino provando muitos pierogies, o prato nacional do país. 

Dia 3-5: Cracóvia, Polônia

Cracóvia - Leste Europeu

No terceiro dia, siga de trem para a Polônia para chegar à Cracóvia e prepare-se porque há muito o que fazer na cidade! 

Ao longo de dois dias, percorra a pé as principais áreas da cidade velha, como a imponente Rynek Główny, considerada a maior praça medieval da Europa. Visite o Castelo de Wawel, pelo bairro de Kazimierz, o antigo bairro judeu. 

Outra opção muito interessante é fazer uma viagem de um dia inteiro à Auschwitz, o fatídico lugar onde ocorreram eventos horríveis durante a Segunda Guerra Mundial. Nesse caso, é altamente recomendado fazer um passeio guiado de um dia inteiro. A facilidade é que muitos pacotes incluem transporte de ida e volta de Cracóvia, um guia que fala inglês, bem como um passeio pelo memorial, museu e visitas ao campo de concentração. Fácil e sem stress!

O que visitar em Cracóvia, Polônia:

  • A praça principal de Cracóvia
  • O Castelo Wawel
  • As minas de sal de Wieliczka (a cidade fica a apenas 15 km de Cracóvia e o passeio vale muito a pena!)
  • A Fábrica de Oskar Schindler
  • Viagem de um dia para o campo de concentração de Auschwitz
  • O histórico bairro judeu de Kazimierz
  • A Basílica de São Francisco

E quando bater aquela fome, se renda a um obwarzanek, o pão trançado tradicional da Cracóvia, característico por suas sementes de papoula e gergelim. 

Dia 6-8: Budapeste, Hungria

Budapeste - Hungria

Hora de dar adeus à Polônia e chegar ao segundo país do roteiro. A capital da Hungria é pitoresca, linda e com muitas coisas incríveis para fazer! 

Especialmente adorada pelos jovens, Budapeste é super animada, repleta de cafés, bares e festas. Mas a principal atração da capital faz muito sucesso também com os turistas mais experientes: são os banhos termais.

Os spas de Budapeste são super tradicionais e frequentados não apenas pelos turistas, mas também pelos húngaros. Diz a lenda que a sua viagem ao leste europeu não estará completa se você não entrar em uma das piscinas de águas termais de Budapeste.

O que visitar em Budapeste, Hungria:

  • Basílica de Santo Estêvão
  • As termas de Budapeste (vá a Gellert e Széchenyi)
  • Parlamento húngaro
  • Calçadão do Danúbio (e confira os sapatos infames)
  • A Praça dos Heróis
  • O Bastião dos Pescadores
  • A Sinagoga da Rua Dohány
  • Castelo de Buda 
  • Museu Nacional Húngaro

Incluia no roteiro, ainda, uma passadinha no Great Market Hall e prove o Lángos, o quitute frito preferido dos húngaros. 

Dia 8-10: Praga, República Tcheca

Praga - Leste Europeu

Termine  sua viagem pelo leste europeu por Praga, uma mina de ouro da história e da cultura que parece ter saída de um conto de fadas! Passe dois dias absorvendo a Cidade Velha, o bairro de Malá Strana e o castelo Hradčany, no topo da colina.

Para quem quer ter uma outra vista da cidade, a sugestão é fazer um cruzeiro de barco pelo rio Moldava.

O que visitar em Praga, República Tcheca:

  • A Cidade Velha
  • O Castelo de Praga
  • O Bairro Judeu do Gueto
  • A Torre do Relógio Astronômico
  • A Ponte Carlos
  • A Catedral de São Vito
  • O Museu KGB
  • O muro de Lennon

E quando bater aquela fome, fique de olho nos restaurantes de comida típica e se delicie provando o Svíčková. Feito a base de contrafilé e legumes, é um dos pratos mais populares da República Checa.

Então? Já está de malas prontas para o Leste Europeu? Confira ainda nossas dicas finais:

  • Esse é um itinerário com foco urbano, passando as noites em cidades grandes, onde é fácil se locomover.
  • Você pode fazer todo o roteiro utilizando transporte público. Nossa sugestão? Vá de trem.
  • Atualmente não há vôos diretos saindo do Brasil para as cidades listadas acima. Os destinos mais próximos são Alemanha e Suíça. O ideal, portanto, é comprar uma passagem já com o trajeto completo, na modalidade múltiplos destinos, onde a chegada e a partida de volta não precisam necessariamente ser do mesmo lugar. E, se o primeiro voo atrasar e você perder o segundo, a companhia aérea se responsabiliza por encontrar um outro voo para você.
  • A temporada com maior número de turistas no leste europeu vai de maio a setembro. Nesses meses, o clima é mais agradável e os dias são mais longos. Além disso, as cidades contam com mais atrações, show e espetáculos durante o verão europeu. 
  • Para quem quer fugir das multidões, a primavera e o outono são provavelmente a melhor época para viajar pela Europa Oriental.
  • Quer ficar tranquilo e não se incomodar com imprevistos? Não importa o destino, é sempre uma boa ideia fazer um seguro de viagem internacional antes de viajar.

Aí está, um super roteiro de 10 dias pelo leste europeu passando por 3 países incríveis. Agora é só fazer as malas e se preparar para conhecer ao vivo essas cidades agitadas com toques históricos e muita coisa legal para fazer!

Gostou das dicas? Confira ainda nossos posts sobre:

POSTS RELACIONADOS

Visitar

6 cidades europeias incríveis para visitar pós-pandemia

23/09/2021
Visitar

Guias turísticos pela Europa valem a pena?

18/08/2021
Visitar

Como encontrar a melhor passagem aérea

08/08/2021