Melhores Países Europeus para abrir uma Startup

Melhores Países Europeus para abrir uma Startup

16.12.2020

A Europa é o destino dos sonhos de muitos empresários que pensam em iniciar seu negócio no exterior. De fato, o cenário para abertura de Startups na Europa é animador e o sucesso deste modelo de empresa no velho continente está relacionado aos incentivos dos governos e à mentalidade da população local.

Mas, a Europa é composta por vários países diferentes, cada um com suas características, seus ecossistemas e incentivos próprios. 

Quer saber quais são os melhores países europeus para abrir uma Startup? Fique conosco até o final e descubra!

O que é uma Startup?

Antes de falarmos sobre os melhores países europeus para abrir uma Startup, vamos começar pela definição desse tipo de negócio e investimento.

Uma Startup pode ser definida como uma empresa nova no mercado, de criação recente, como o próprio nome já indica.

No entanto, isso não é tudo! Seu conceito também está relacionado a outras questões. Algumas empresas que já possuem anos de mercado continuam sendo consideradas Startups, porque reúnem algumas características importantes. E é disso que vamos falar agora!

Principais características de uma Startup

Startup

Inovação

Esse fator forma parte da essência de uma Startup, como um modelo de negócio baseado em ideias originais e inovadoras.

Assim, sua estrutura empresarial deve ser baseada na inovação, de forma a solucionar uma demanda específica.

Negócio Escalável

O modelo de negócio de uma Startup é marcado pelo seu potencial de crescimento, graças ao baixo custo de operação.

E, é exatamente este baixo custo que permite a multiplicação dos lucros, alcançando a um maior número de pessoas.

Ambição Global

Diferentemente de outros tipos de empresas, as Startups não se limitam geograficamente, pelo contrário, buscam chegar ao maior número possível de pessoas.

Por isso, podemos dizer que uma das características de uma Startup é sua ambição global, algo que tem muita relação com o item a seguir.

Tecnologia

Para que uma empresa inovadora, de baixo custo, recém-criada e com ambição global tenha um negócio escalável, temos que concordar que a tecnologia deve jogar um papel fundamental.

Seu desenvolvimento necessita contar com a tecnologia na elaboração do produto ou na prestação do serviço, assim como na distribuição, no marketing, na atenção ao cliente, etc.

Portanto, se a essência de uma Startup é a inovação, como foi dito anteriormente, podemos afirmar que o seu braço direito é a tecnologia.

Quais são os melhores países europeus para abrir uma Startup?

Além destas características, o encaixe no mercado é um fator fundamental e que determina o futuro da sua empresa.

Os riscos e as incertezas devem ser enfrentados. Mas, é importante conhecer o mercado, os consumidores e conseguir resolver os problemas existentes com a implementação destas características citadas dentro de seu Plano de Negócio.

Por isso, é imprescindível saber qual país europeu seria receptivo em maior medida, para o seu modelo negócio. 

E, pensando nisso, vamos focar agora em conhecer os melhores países europeus para abrir uma Startup: 

Alemanha

Um dos melhores países europeus para abrir uma Startup é, sem dúvida, a Alemanha.

O país germânico possui fatores benéficos para empresários que queiram iniciar um negócio desse tipo. Podemos citar o fato de possuir mão de obra altamente qualificada, enquanto apresenta uma das taxas de impostos mais baixas da Europa.

Isto gera um clima de negócios favorável. De fato, por ter uma economia saudável, a Alemanha é um dos países com o melhor cenário para o empreendedorismo.

Ademais, com a questão do Brexit, a tendência é haver um movimento de migração de empresas do Reino Unido para a Alemanha.

Quer saber como o governo alemão está administrando a questão da pandemia? Confira aqui!

Inglaterra

E, por falar em Brexit, um dos países com maior oportunidade de crescimento para uma pequena empresa pode ser a própria Inglaterra.

Londres é uma das principais cidades europeias para iniciar um negócio, mas não é só essa metrópole que favorece e atrai investimentos de empresários no país.

Manchester, Liverpool, Birmingham ou Edimburgo atraem muitos investidores, por possuirem um cenário parecido e com custo inferior.

Além do histórico potencial de empresas inovadoras no país, a Inglaterra é conhecida por ser um país que incentiva o surgimento e crescimento de pequenos negócios.

As taxas para abertura de empresas na Inglaterra vêm baixando a cada ano. Essa medida visa compensar a sua saída da União Europeia e a possível fuga de empresas do país.

Ademais, por ser um dos países mais visitados do mundo, a visibilidade das empresas inglesas é um fato a ser considerado.

Está considerando em se mudar para lá? Acesse esse artigo sobre o salário mínimo e o custo de vida na Inglaterra. 

Suécia

Sem nenhuma surpresa, a Suécia, país que deu origem às empresas Spotify e Skype, entra na lista dos melhores países europeus para abrir uma Startup.

Você sabia que a Suécia possui uma das melhores redes de educação empresarial da Europa? No entanto, o mais importante é o compromisso do governo em baixar os impostos, a fim de incentivar a atividade de Startups no país.

Com certeza, isso gera um ambiente mais livre e com maior margem para que empresários possam assumir mais riscos.

Holanda/Países Baixos

Com uma mão de obra extremamente qualificada e uma população que valoriza as pequenas empresas, os Países Baixos entram nesta lista como um dos melhores países europeus para abrir uma Startup.

Alguns fatores que colocam esse destino em vantagem com relação a outros países europeus:

  • A taxa de empreendimento nos Países Baixos é superior à média europeia;
  • Sua população é extremamente qualificada, normalmente dominando dois ou três idiomas;
  • Bem localizado, com conexões para outros países como Bélgica, Reino Unido, França, além de possuir um dos aeroportos mais movimentados do mundo.

Se você pensa em morar na Holanda, tem outro artigo interessante aqui para você!

Irlanda

Um dos países que mais tem crescido e se destacado na Europa é a Irlanda, entrando na lista dos melhores países europeus para abrir uma Startup.

Talvez a Irlanda seja um país muito conhecido por sua cultura e paisagens, mas pouco conhecido como um excelente destino para negócios.

Mas, você sabia que grandes empresas como Google, Microsoft, Facebook, Paypal, eBay e LinkedIn escolheram a Irlanda para estabelecer suas sedes?

Os motivos são vários e talvez o principal seja a proximidade com o Reino Unido. Como já sabemos, após o Brexit, muitas empresas buscaram outros destinos para se situar dentro da União Europeia.

Um destes destinos de migração de empresas foi justamente a Irlanda. Gostou da ideia de morar na Ilha Esmeralda? Leia mais aqui.

Espanha

A imagem que se forma da Espanha, muitas vezes, está ligada à recessão que assolou a economia do país em 2008.

Entretanto, hoje, o cenário é completamente diferente, fazendo do País Ibérico um dos melhores países europeus para abrir uma Startup.

O que a coloca nesta lista é o fato de sua recuperação ter ocorrido, entre outros motivos, pelo entendimento do governo acerca da importância do empreendedorismo e da inovação para retomar sua posição no cenário mundial.

Por isso, agora existem diversos incentivos e programas de apoio para as Startups como, por exemplo, a isenção de impostos e investimentos públicos. 

Saiba mais sobre esse tema e leia esse nosso artigo:

Abrir empresa na Espanha: Incentivos do Governo

Não é à toa que, hoje, Madrid e Barcelona são dois dos principais centros tecnológicos da Europa. Assim, a Espanha passou a ser uma das principais economias do velho continente.

Tem interesse na Espanha? Veja esses outros textos também:

Empreender na Espanha: Quais as melhores áreas?

Franquias na Espanha: Guia para Empreendedores

Abrir empresa e empreender na Espanha

Portugal

Portugal não podia faltar na nossa lista! Além de ser um dos melhores países para se viver na Europa, também atrai todo tipo de investimento. É, definitivamente, um dos melhores países europeus para abrir uma Startup.

Com grandes investimentos nos últimos anos e um esforço para atrair investimento estrangeiro, o governo português vem facilitando o processo de concessão de vistos e autorizações de residência para empreendedores.

Além disso, há significativas vantagens tributárias. Portanto, Portugal criou um espaço favorável para a criação e desenvolvimento de empresas, principalmente em sua capital, Lisboa.

Confira aqui por que Lisboa está se tornando um grande polo de inovação. 

Se você também pensa em investir em franquias no país, dê uma olhada aqui. 

Dicas Finais

Business Plan

Por causa da familiaridade cultural e do idioma, tanto Portugal como Espanha se tornaram excelentes destinos para brasileiros empreendedores.

Ambos os países facilitaram muito a imigração de quem pretende investir e abrir empresa. De fato, a Península Ibérica pode ocupar a primeira posição no ranking dos melhores destinos para abrir uma Startup, pensando nos brasileiros.

Lembre-se que podemos realizar um estudo profundo de mercado para você, além de cuidar de toda a parte burocrática! Acesse aqui e veja.

POSTS RELACIONADOS

Morar

Principais faculdades de tecnologia na Europa

07/12/2021
Visitar

Como visitar de graça os principais museus da Europa

14/11/2021
Visitar

Os 2 destinos europeus para visitar em 2022, segundo a Lonely Planet

10/11/2021