Conheça as principais faculdades da Europa

Conheça as principais faculdades da Europa

27.03.2021

Sonhando em cursar o nível superior no velho continente? Então você precisa ver essas informações sobre as principais faculdades da Europa que nós separamos para você.

É uma lista com as mais respeitáveis instituições de ensino da Europa, reconhecidas pelo ensino de excelência e alto nível de colocação dos seus alunos egressos no mercado de trabalho.

Mas não apenas isso.

Nós temos notícias importantes sobre como as diretrizes do ensino superior estão sendo projetadas para os próximos anos na Europa, um incentivo a mais para você correr atrás do seu sonho.

Curioso? Então continue com a gente! 

As principais faculdades da Europa: quem lidera o ranking?

Todos os anos, pesquisas voltadas para a qualidade do ensino superior classificam as principais faculdades ao redor do mundo. 

Os resultados acabam variando em função dos parâmetros de avaliação utilizados, mas de uma maneira geral eles acabam convergindo para as mesmas instituições.

A lista abaixo, com as 10 melhores, é baseada no Times Higher Education World University Rankings 2021 que classifica mais de 1.500 universidades em 93 países. Pouco mais de 500 delas estão na Europa.

As 10 melhores universidades europeias incluem instituições britânicas, suíças, suecas e alemãs, sendo que as primeiras ocupam a maior parte dos primeiros lugares. 

Confira:

1. Universidade de Oxford

Universidade de Oxford

A melhor Universidade da Europa é também a melhor do mundo

Localizada dentro e ao redor do centro medieval da cidade de Oxford, a universidade compreende 44 faculdades e mais de 100 bibliotecas, tornando-se o maior sistema de bibliotecas do Reino Unido. São mais de 11 milhões de volumes!

Os alunos somam cerca de 22.000 no total e mais de 40 por cento são estrangeiros, representando mais de cem países.

Seus ex-alunos formam uma rede de mais de 250.000 indivíduos, incluindo mais de 120 medalhistas olímpicos, 26 vencedores do Prêmio Nobel e mais de 30 líderes mundiais modernos, incluindo Bill Clinton e 26 primeiros-ministros do Reino Unido.

A Universidade de Oxford é a número um em medicina e entre as melhores universidades do mundo em ciências físicas, ciências sociais, humanas e artes.

2. Universidade de Cambridge

Universidade de Cambridge

A Universidade de Cambridge é uma universidade pública de pesquisa no Reino Unido, fundada no século XIII.

Hoje, atende a mais de 18.000 alunos de todas as culturas e partes do mundo. Quase 4.000 são estrangeiros, vindos de mais de 120 países diferentes. 

A universidade está dividida em múltiplas faculdades em seis áreas distintas: Artes, Ciências Biológicas, Medicina Clínica, Ciências Humanas e Sociais, Ciências Físicas e Tecnologia.

No ranking mundial das melhores universidades, ela ocupa a sexta colocação. 

3. Imperial College London

A Imperial College London, com sede no centro da capital, é considerada uma das instituições líderes do Reino Unido.  Ela tem cerca de 15.000 alunos e 8.000 funcionários, com foco em quatro áreas principais: ciência, engenharia, medicina e negócios.

A instituição tem 14 vencedores do Prêmio Nobel, incluindo Alexander Fleming, o descobridor da penicilina.

A universidade atrai estudantes de mais de 125 países todos os anos e é a 11ª melhor universidade do mundo, segundo a classificação da Times Higher Education.

4. ETH Zurique

ETH Zurique

A quarta colocada na Europa e 14ª no mundo, a Universidade ETH Zurique é destaque no mundo das ciências, tecnologia, engenharia e matemática

Entretanto, com 16 departamentos, a instituição prioriza a pesquisa acadêmica interdisciplinar em assuntos que vão desde arquitetura e biologia até química e física.

O instituto produziu mais de 20 vencedores do Prêmio Nobel, incluindo Albert Einstein e conta com a presença de cerca de 35% de alunos estrangeiros.

5. University College London – UCL

University College London

Localizada no coração de Londres, a UCL compreende 11 faculdades: Artes e Humanidades, Ambiente Construído, Ciências do Cérebro, Engenharia, Instituto de Educação, Leis, Ciências da Vida, Ciências Matemáticas e Físicas, Ciências Médicas, Ciências da Saúde Populacional e Ciências Sociais e Históricas.

Ao longo de sua história, a UCL foi o berço de inúmeras descobertas científicas significativas, com 29 prêmios Nobel.

Quinta colocada na Europa e 16ª ao nível mundial, a universidade tem um campus satélite em Doha, Catar, e outro em Adelaide, Austrália, que inclui um instituto de ciência espacial e um instituto de política energética. Simplesmente demais!

Na sequência da lista, ocupando as posições de n. 6 a 10 das Top Universidades da Europa estão:

  • London School of Economics and Political Science | Reino Unido
  • University of Edinburgh, Reino Unido
    Ludwig Maximilian University of Munich (LMU), Alemanha
  • King’s College London, Reino Unido
  • Karolinska Institute, Suécia

Os Centros de Excelência para cada Setor

Como vimos acima, os países anglo-saxões lideram disparado o ranking das melhores Universidades da Europa.

De toda forma, com uma longa história de pioneirismo no ensino superior, os outros países europeus também acolhem muitas das universidades mais antigas e prestigiosas do mundo.

Apesar de não estarem a frente das classificações, algumas instituições estão há muito tempo no topo de certas áreas do conhecimento. 

Aqui estão alguns exemplos das principais faculdades europeias por segmento:

Engenharia e Tecnologia

A Europa certamente não carece de cursos científicos e tecnológicos de qualidade, como os oferecidos pela ETH Zurique e a Karolinska Institutet, da Suécia. 

Se essa é a sua área, fique de olho ainda nas seguintes faculdades:

  • Cranfield University, Reino Unido
  • École polytechnique fédérale de Lausanne (EPFL), Suíça
  • Hochschule Mannheim, Alemanha 
  • Universidade Técnica de Munique, Alemanha
  • Kobenhavns Universitet, Dinamarca 
  • Politécnico de Milão, Itália
  • Politécnico de Torino, Itália
  • Rijksuniversiteit Groningen, Holanda 
  • Delft University of Technology, Holanda
  • Royal Institute of Technology, Suécia 
  • Universidad Politécnica de Madrid, Espanha
  • Universitat Politècnica de Catalunya, ​​Espanha

Ciências da Saúde

Muitos são os centros europeus com estudo focado na prevenção, diagnóstico e tratamento da doença. Aqui entram os cursos de medicina, fisioterapia, ciências biomédicas, entre outros.

Entre os mais importantes estão a Universidade de Oxford, de Cambridge, a ETH da Suíça, a Karolinska Institutet e a LMU Munich da Suécia, que já mencionamos acima. 

Abaixo você confere outras faculdades europeias que se destacam na área:

  • Maastricht University, Holanda
  • Charité – Universitätsmedizin Berlin, Alemanha
  • KU Leuven, Bélgica
  • Erasmus University Rotterdam, Holanda
  • Sorbonne University, France
  • University of Paris, France
  • University of Zurich, Switzerland
  • Universidade de Bolonha, Itália 
  • Universidade de La Coruña, Espanha 

Economia

Os melhores centros de excelência na área de economia são os anglo-saxões, com destaque para a London School of Economics and Political Science (a sexta colocada, mencionada acima) e também para as instituições espanholas:

  • Universidade de Toulouse 1, França
  • Universidade Bocconi, Itália
  • Universidade de Zurique, Suíça
  • Universidade de Oslo, Noruega
  •  Copenhagen Business School, Dinamarca
  •  ESADE Business School, ​​Espanha
  •  Escola de Economia de Helsinki, Finlândia
  •  IE Business School, Espanha
  •  IESE Business School, ​​Espanha
  •  Louvain School of Management, Bélgica
  •  Rotterdam School of Management, Holanda
  •  SDA Bocconi, Milão, Itália

Ciências Humanas e Sociais Aplicadas

Psicologia, Sociologia, Filosofia, História… Mais uma vez, a London School of Economics and Political Science (LSE) precisa ser mencionada aqui. 

Mas alguns países latinos também se destacam nessa área do conhecimento:

  • Albert-Ludwigs-Universität Freiburg,  Alemanha
  • Ruprecht-Karls-Universität Heidelberg, Alemanha 
  • UC III Carlos III, Espanha
  • Universidade de Bolonha, Itália
  • Universidade de Florença, Itália
  • Universidade de Milão, Itália
  • Universidade de La Sapienza, Itália
  • Universidade de Torino, Itália
  • Universität Mannheim, Alemanha 
  • UPF Pompeu Fabra, ​​Espanha 
  • UPN Publica de Navarra, ​​Espanha 

Artes

Aqui estão os principais centros europeus para estudar arte na Europa:

Design e Moda

  • Design Academy of Eindhoven, Holanda 
  • Domus Academy, Itália 
  • École cantonale d’art de Lausanne (ECAL), Suíça
  • ELISAVA, ​​Espanha
  • Faculdade de Design, Politecnico di Milano, Itália
  • Académie royale des beaux-arts d’Anvers, Antuérpia, Bélgica
  • Faculdade Central Saint Martins de Arte e Design, Reino Unido
  • École de la Cambre, Bélgica
  • Fashion Institute d’Arhnem, Holanda
  • Istituto Marangoni, Itália
  • Fashion Design Institut, Germany

Cinema

  • London Film School, Reino Unido
  • Academy of Performing Arts’ Film and TV School, Reino Unido
  • Den Danske Filmskole, Dinamarca
  • Deutsche Film und Fernsehakademie Berlin (DFFB), Alemanha
  • FAMU, República Tcheca
  • HFF (Hochschule für Fernsehen und Film), Alemanha
  • INSAS, Bélgica

Direito e Política

Por fim, aqui estão os centros de excelência para Direito e Ciência Política na Europa. Lembrando que Cambridge, Oxford, UCL, Edinburgh e King’s College, todas no Reino Unido, lideram no segmento:

Direito

  • Universidade de Leiden, Holanda
  • Humboldt University of Berlin, Alemanha
  • KU Leuvin, Bélgica
  • Trinity College, Irlanda
  • Universidad de Navarra, Espanha
  • Universidade de Bolonha, Bolonha, Itália
  • Université PSL (Paris Sciences & Lettres) de Paris

Ciências Políticas

  • Universidade de Copenhague, Dinamarca
  • Universidade de Bremen, Alemanha
  • Universität St-Gallen, Suíça
  • Universidade Uppsala, Suécia
  • Universidade de Utrecht, Holanda
  • Paris Sciences et Lettres – PSL, França

UNIVERSIDADES EUROPEIAS: iniciativa que vai transformar o ensino no velho continente

E para encerrar esse artigo sobre as principais faculdades da Europa, a gente compartilha com você um projeto da União Europeia que está sendo colocado em prática para revolucionar o ensino superior dos países membros.

O bloco criou a iniciativa “universidades europeias” que são alianças transnacionais  entre as Universidades com o objetivo de “mudar radicalmente a qualidade e a competitividade do ensino superior europeu”

Para isso, a ideia é usar modelos de cooperação entre as instituições de ensino de diferentes países para criar a “universidade do futuro”, permitindo aos estudantes obter um grau acadêmico através da combinação de estudos realizados em vários países da UE.

A base do projeto está justamente em unir alunos de diversas origens em equipes multidisciplinares para enfrentar os maiores desafios da Europa hoje.

Segundo a UE, o foco está na promoção do emprego, no crescimento econômico e na coesão social para expressar a identidade europeia em toda a sua diversidade. 

Para isso, algumas questões que hoje são apenas diferenciais, se tornarão regra, como estudar no exterior por um tempo e dominar duas línguas além da sua língua materna.

Demais, não é mesmo?

Desde 2019, já foram selecionadas 41 universidades para participar do projeto que prevê a implementação total entre os anos de 2021-2027. 

Se você quiser saber mais e verificar quais universidades foram aceitas para dar vida ao programa, aqui vai o link para você acessar.

Quem sabe você não fará parte do projeto que irá revolucionar a educação na Europa e no mundo nos próximos anos?

A gente fica por aqui, torcendo para que você realize o seu sonho e tenha a oportunidade de estudar em uma das principais faculdades da Europa.

E se precisar de ajuda para tirar seu visto de estudo ou nacionalidade europeia, entre em contato através da página de serviços do Conexão Europa, ok? Está atrás de um intercâmbio na Europa? Leia também: Intercâmbio para a França: quais as melhores universidades?

POSTS RELACIONADOS

Visitar

6 cidades europeias incríveis para visitar pós-pandemia

23/09/2021
Visitar

Guias turísticos pela Europa valem a pena?

18/08/2021
Visitar

Como encontrar a melhor passagem aérea

08/08/2021