Como levar o meu cachorro para a Alemanha

Como levar o meu cachorro para a Alemanha

10.09.2021

Mudar de país não é fácil nem para uma pessoa só, imagine quando você precisar levar o seu animal de estimação. Pensando nisso, separamos aqui algumas dicas e orientações que você precisa saber sobre como levar o seu cachorro para a Alemanha!

Posso levar meu animal de estimação para a Alemanha?

A resposta para esta pergunta, infelizmente, é depende. 

Atualmente, os animais que são permitidos na União Europeia são:

  • Cachorros;
  • Gatos; e
  • Furões.

Além disso, alguns animais que são considerados de raças perigosas ou que possam ameaçar o ecossistema do país, não são permitidos para ingressarem na Alemanha. Então, antes de planejar a sua mudança, certifique se seu companheiro poderá se mudar com você.

O assunto sobre animais de estimação na Alemanha é tão sério, que o Ministério Federal da Alimentação e Agricultura (BMEL), possui um canal dedicado para passar orientações sobre cuidados, compra e demais assuntos relacionados aos animais de estimação.

Por isso, se a ideia é morar na Alemanha e você quer levar o seu cachorro para a Alemanha também, ou seu gatinho, ou furão, fique atento(a) às regras que são aplicáveis, sobre as quais vamos falar um pouquinho aqui.

Quais são os passos para levar o meu cachorro para a Alemanha?

Da mesma forma que mudar de país exige de nós, humanos, o atendimento de uma série de procedimentos burocráticos, para levar o seu bichinho de estimação não seria diferente.

Separamos alguns passos que você deverá seguir para levar seu cachorro para a Alemanha, mas é sempre bom sempre consultar as regras atualizadas nos sites oficiais,tanto da União Europeia, quanto da Alemanha, antes de entrar no avião, para não ter nenhuma dor de cabeça.

1. Verificar a raça do seu cachorro

Bom, como falamos acima, a primeira coisa que você deverá se atentar é se o seu melhor amigo está enquadrado em uma das raças que são consideradas perigosas, na Alemanha.

Atualmente, segundo o Zoll, que é alfândega alemã, são consideradas raças perigosas, as seguintes:

  • Pit bull terrier
  • American Staffordshire Terrier
  • Staffordshire Bull Terrier
  • Bull terrier

Se seu animalzinho é uma mistura com algumas das raças acima, ele também não poderá vir para a Alemanha.

Entretanto, como para toda regra há uma exceção, mesmo se o seu cãozinho seja considerado uma raça perigosa, ele poderá viajar com você, se:

  • você estiver somente passando pela Alemanha e não possui intenção de ficar por mais 4 semanas; 
  • você já vivia na Alemanha com seu cãozinho, saiu e agora quer voltar (desde que os documentos estejam em dia);
  • o seu cãozinho for de serviço, assistência para deficientes físicos, cão-guia ou cão de proteção contra desastres ou resgate.

Bom, resolvida a questão sobre a raça, para você levar o seu cachorro para a Alemanha, o segundo passo é iniciar o preparo da documentação que será necessária apresentar na hora que você for embarcar com seu bichinho!

2. Preparar a documentação necessária para levar o seu cachorro para a Alemanha

A parte mais complicada da história toda é preparar o seu bichinho para ser exportado do Brasil para a Alemanha.

Diferente do Brasil, todos os animais de estimação que estão na União Europeia (entre gatos, cachorros e furões), devem estar “chipados”, ou seja, eles devem ter um micro-chip subcutâneo que irá carregar informações importantes sobre o bichinho, sobre o nome, idade, informações dos donos e endereço.

Uma vez com o chip, o seu animal de estimação deverá estar em dia com todas as vacinas necessárias para entrar em território europeu, sendo a principal exigida: a vacina antirrábica, a qual deverá estar atualizada.

Assim, para facilitar, porque a lista de documentos vai aumentar, vamos colocar os itens aqui:

  • Faça a implantação do chip no seu animal de estimação – o chip deverá ser um certificado e autorizado na União Europeia, podendo ser padrão ISO 11784 e ISO 11785 e deverá ser aplicado em uma clínica reconhecida;
  • Aplique as vacinas que estão faltando na carteirinha do seu animal de estimação, principalmente a vacina antirrábica;
  • Comprove também que seu animal está em dia com os remédios anti pulgas e carrapatos;
  • 30 dias depois do seu animal tomar a vacina, é hora de fazer um exame de sangue (Sorologia Antirrábica) – para comprovar que ele está vacinado – e esta é a parte mais demorada, pois depois disso, o exame dele deverá ser enviado para um dos laboratórios autorizados pela União Europeia, e quando recebido o resultado, ainda é necessário esperar 3 meses para pedir o próximo documento;

Resumo da história, não deixe para a última hora para arrumar os documentos do seu animal de estimação, pois o processo, como você pôde perceber, é bem complicado.

Bom, o próximo passo, na verdade, pode ser feito em paralelo com o passo anterior, mas vamos para ele!

3. Encontrar a caixa transportadora para levar o seu cachorro para a Alemanha

A escolha da caixa que irá transportar o seu animal de estimação vai depender da companhia aérea que você vai utilizar, bem como do tamanho e peso do seu animal.

Animais que pesam até 5 kg, geralmente são aceitos para serem transportados dentro das cabines, e eles poderão ir com você a viagem toda. Já os animais que pesam mais, são transportados no compartimento de cargas.

Por isso, a escolha da caixa deve ser feita com muito cuidado, pois, seja de uma forma ou de outra, o animal deverá ficar confortável durante o período todo.

Para facilitar a sua vida, separamos aqui os links das principais companhias aéreas que voam para a Alemanha, para você consultar as regras delas: LATAM, KLM, Lufthansa.

Chegando na Alemanha!

Após passar por muitos procedimentos burocráticos, não pense que eles irão acabar quando você chegar na Alemanha!

A primeira coisa que você deverá fazer quando pisar em território alemão é declarar a entrada do seu animalzinho, que pode ser feito junto com o pessoal a Alfândega (Zoll).

Depois, você vai ter que fazer o registro do seu animalzinho na Prefeitura da cidade onde você for residir, para que ele fique registrado e você possa iniciar o pagamento anual do imposto que incidirá sobre ele (aplica-se somente para cães), que é um valor que varia de cidade para cidade.

Bom, como falamos antes, ter um animal de estimação em terras alemãs é assunto sério e existem regras que precisam ser atendidas, e além das que falamos acima, outra é a exigência de seguro para o seu bichinho (cachorros, no caso), cuja obrigatoriedade também varia de cidade para cidade. 

Ufa! Após uma longa jornada, é hora de morar na Alemanha, com a tranquilidade de que você e seu animal de estimação estarão juntos!
E se você está pensando em morar na Alemanha e não sabe por onde começar, mande-nos uma mensagem!


Seguros Promo

POSTS RELACIONADOS

Morar

Como levar o meu cachorro para a Alemanha

10/09/2021
Visitar

Minijob na Alemanha: o que é e como funciona

03/09/2021
Visitar

Qual a melhor época para visitar a Alemanha

01/09/2021